sinusite crônica

Como tratar a sinusite crônica

A sinusite é uma inflamação da mucosa dos seios da face, que é a região do crânio formada por cavidades ósseas ao redor do nariz, maçãs do rosto e olhos. A doença pode ser classificada em aguda, quando rapidamente provoca sintomas, ou crônica quando as crises vão e voltam.

A sinusite tanto pode ser causada por agentes infecciosos, como bactérias, fungos e vírus, quanto por fatores alérgicos. Poeira, choque térmico, cheiros ativos, exposição a determinados agentes químicos e alterações na anatomia nasal ou nos seios da face também podem desencadear a sinusite.

Os principais sintomas da sinusite são:

  • Dor de cabeça aguda, por vezes lancinantes;
  • Dor na área do seio da face comprometido;
  • Obstrução nasal com presença de catarro purulento e sanguinolento, que dificulta a respiração;
  • Mal-estar;
  • Febre.

Sinusite crônica

Dizemos que um paciente tem sinusite crônica quando a inflamação da mucosa dos seios persiste por, pelo menos, 12 semanas consecutivas. Geralmente, ela é causada por bactérias resistentes, por uso anterior de antibióticos em excesso ou por tratamento incorreto de uma sinusite, assim como por rinite alérgica mal controlada, alterações nas vias respiratórias, como desvio do septo, ou imunidade enfraquecida.

A dor facial é um dos principais sintomas da sinusite crônica e ocorre principalmente ao abaixar a cabeça ou caminhar. Normalmente é sentida atrás dos olhos, ao redor do nariz ou ainda nos dentes, podendo ser mais forte em um lado do rosto. Além disso, o paciente pode apresentar a sensação de peso na face, dor de cabeça, congestão nasal com secreção, diminuição do olfato, tosse (geralmente piora à noite), espirros, inchaço e dor ao redor dos olhos, ouvido entupido e mau hálito. São os mesmos sintomas da sinusite aguda, porém mais leves e persistentes.

Casos de sinusite crônica devem ser avaliados por um médico otorrinolaringologista, que irá indicar o tratamento mais adequado, de acordo com o caso.

Tratamento para a sinusite crônica

Seu tratamento inclui a lavagem nasal com soro fisiológico e o uso de remédios prescritos pelo otorrino, como antibióticos, antialérgicos ou corticoides, de acordo com a causa da inflamação. Com o tratamento adequado, é possível aliviar os sintomas e manter a doença sob controle.

Em alguns casos, uma cirurgia para drenagem do muco acumulado e ou para correção de alterações do septo nasal ou retirada de nódulos pode ser recomendada para permitir a cura da doença.

É muito importante que a doença seja tratada adequadamente. A sinusite crônica, quando não é devidamente tratada e controlada, pode piorar com o tempo e causar acúmulo de secreção, formando um abscesso, além de e a inflamação e a infecção poderem atingir órgãos próximos às cavidades nasais, como olhos e cérebro. A infecção também pode desencadear crises de asma, (principalmente em crianças), pneumonias ou até atingir a circulação sanguínea e causar uma infecção generalizada.

Quer saber mais? Clique no banner!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp